Vale a pena fazer o ENEM?

0

Você quer traçar sua carreira e se qualificar para o mercado de trabalho, mas ainda não sabe se vale a pena fazer o Enem? No post de hoje, vamos tirar as principais dúvidas que os candidatos têm sobre o exame.

Confira a seguir as informações mais importantes sobre o vestibular mais famoso do Brasil!

O que é o Enem?

Criado em 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi inicialmente desenvolvido apenas para avaliar o desempenho dos estudantes ao final da educação básica. No entanto, com o passar dos anos, ele foi reformulado e hoje tornou-se um dos maiores vestibulares do país.

Atualmente, o Enem ocorre em dois dias e é composto por um total de 180 questões, que avaliam quatro áreas de conhecimento: Ciências da Natureza, Ciências Humanas, Matemática e Linguagens e Códigos. Além disso, há ainda uma redação dissertativa no segundo dia de prova.

Como posso usá-lo?

Com a nota obtida no exame, o estudante é capaz de participar de diversos processos seletivos que darão acesso ao ensino superior em uma instituição pública ou privada.

Hoje, o Enem é a principal ferramenta de ingresso em universidades federais. Isto é, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) são distribuídas vagas em universidades de todo o país, inclusive para os cursos mais procurados, como Medicina, Engenharia e Direito.

O processo seletivo do Sisu é gratuito e possibilita ao estudante escolher o curso, a faculdade e o turno em que deseja estudar. Entretanto, como a disputa costuma ser acirrada, as chances de entrar na universidade desejada é proporcional a nota obtida na prova. Quanto maior, melhor.

Além disso, o Enem é fundamental para a inclusão do Programa Universidade para Todos (ProUni), que oferece bolsas de estudos integrais ou parciais em universidades particulares para estudantes de baixa renda, podendo até substituir o próprio vestibular da universidade!

Mas caso você não se enquadre nos requisitos exigidos pelo ProUni, você ainda pode financiar sua faculdade por meio do programa de Fundo de Financiamento Infantil (FIES). Com ele, o estudante não precisa arcar com os custos da mensalidade do curso até a sua formatura.

Em quais outras situações ele é útil?

Fora as chances de entrar em uma universidade pública ou ganhar uma bolsa de 100% de desconto em uma particular, o Exame Nacional do Ensino Médio também oferece ótimas iniciativas de estudo.

Através do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), o estudante consegue uma vaga em diversos cursos técnicos profissionalizantes gratuitos que formam mão de obra para atuar no mercado de trabalho no futuro.

Por se tratar de uma prova com métodos avaliativos complexos, o Enem também pode servir como um ótimo treino para concursos públicos. E vale ressaltar que alguns órgãos já têm considerado a nota do Enem como critério de classificação dos candidatos para as fases seguintes.

Ademais, ainda é possível utilizar a nota obtida para ingressar em algumas universidades que ainda não fazem uso do Sisu. Ou seja, dá para acrescentar sua nota do Enem ao vestibular tradicional e ganhar uma vantagem a mais na competição!

Afinal, vale a pena fazer o Enem?

Hoje, mais do que nunca, ter uma formação em um curso superior ou técnico para se destacar no mercado de trabalho tornou-se essencial.

Por essa razão, o Enem se faz necessário não apenas como instrumento avaliativo: o exame também é um excelente meio de garantir uma boa formação universitária e um salário melhor no futuro. Então sim, com toda certeza, vale a pena fazer o Enem!

 

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Me notifique
avatar
wpDiscuz